image_preview-2

Rap da greve: ‘PEC da decadência, reforma da Previdência, chega dessa indecência’

São Paulo – A retirada de direitos promovida pelo governo Temer com as reformas trabalhista e da Previdência repercute também na música, com o Rap Contra a Reforma da Previdência. O MC Chiquinho Divilas usa o rap, tradicional forma de protesto e resistência contra as mais diversas opressões, e também convoca “o estudante, o mano, a mina, o professor” e os “o b-boys, grafiteiros e artistas” para a greve geral desta sexta-feira (28).

“Avisa lá que dia 28 eu vou parar. Avisa o meu patrão que eu não vou trabalhar”, canta Chiquinho Divilas. “Não deixe o nosso país nas mãos dos banqueiros e opressores. O povo paga a despesa e falta o rango na mesa. Vamos parar de verdade. Nós por nós, sempre!”, diz a letra.

Confira o clipe:

Fonte: http://www.redebrasilatual.com.br/trabalho/2017/04/rap-da-greve-pec-da-decadencia-reforma-da-previdencia-chega-dessa-indecencia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *