199a

Nota Oficial da Reunião das Centrais Sindicais. Pública representada por seu Presidente Nilton Paixão

As centrais sindicais decidiram, em reunião realizada hoje, 5 de junho, na sede da NCST-SP, definir o próximo dia 30, uma sexta-feira, como data indicativa para novas paralisações e greves por todo o país.

Os trabalhadores e seus representantes das centrais e diversos outros sindicatos presentes, decidiram que é hora de intensificar a luta novamente para que a pauta das reformas trabalhista e previdenciárias sejam tiradas de vez da agenda de votação.

A diretriz das centrais é que sindicatos, federações e confederações realizem assembleias com os trabalhadores de suas bases para organizar a luta.

Veja nota oficial:
As Centrais Sindicais convocam a classe trabalhadora para um calendário de luta e nova GREVE GERAL dia 30 de junho.

As centrais sindicais, (CUT, UGT, Força Sindical, CTB, Nova Central, CGTB, CSP-Conlutas, Intersindical, CSB e A Pública- Central do Servidor), convocam todas as suas bases para o calendário de luta e indicam uma nova GREVE GERAL dia 30 de junho.

As centrais sindicais irão colocar força total na mobilização da greve em defesa dos direitos sociais e trabalhistas, contra as reformas trabalhista e previdenciária, contra a terceirização indiscriminada e pelo #ForaTemer.

Dentro do calendário de luta, as centrais também convocam para o dia 20 de junho – O Esquenta Greve Geral, um dia de mobilização nacional pela convocação da greve geral.

Ficou definido também a produção de jornal unificado para a ampla mobilização da sociedade. E ficou agendada nova reunião para organização da greve geral para o dia 07 de junho de 2017, às 10h na sede do DIEESE.

Agenda – 07/06: Reunião de organização das centrais sindicais no DIEESE; – 20/06: Dia Nacional de mobilização das centrais, com panfletagens e atos; – 30/06: Greve Geral

Fonte: http://publica.org.br/noticias_det.asp?id_nt=199

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *