SALVADOR/BA 05/09/2017 NACIONAL / OPERAÇÃO TESOURO PERDIDO / GEDDEL VIEIRA LIMA - PF acha tesouro perdido em bunker de Geddel. Operação Tesouro Perdido fez buscas em um imóvel em Salvador que seria utilizado pelo ex-ministro de Temer para guardar valores em espécie. A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira, 5, mais uma fase da operação Cui Bonno? para fazer buscas em um imóvel em Salvador. Autorizada pela 10ª Vara Federal de Brasília, a ação da PF mirou o local onde seria o “bunker” do ex-ministro Geddel Vieira Lima utilizado para armazenagem de dinheiro em espécie. A ação foi batizada de Tesouro Perdido. FOTO POLÍCIA FEDERAL

Receita terá de ser informada de transações em espécie acima de R$ 30 mil

A partir desta segunda-feira, 1º, as transações em espécie em valor igual ou superior a R$ 30 mil terão que ser informadas à Receita Federal. São obrigadas a declarar as empresas e as pessoas físicas que receberem o dinheiro. A norma entra em vigor após a maior apreensão de dinheiro vivo da história do País – a descoberta de R$ 51 milhões em um apartamento em Salvador usado pelo ex-ministro Geddel Vieira Lima.

As movimentações terão que declaradas por meio de formulário eletrônico disponível na página da Receita, a Declaração de Operações Liquidadas com Moeda em Espécie (DME). O formulário precisa ser obrigatoriamente entregue até o último dia útil do mês seguinte ao recebimento do dinheiro em espécie. Quem não declarar à Receita ou prestar a informação incorreta ficará sujeita a multa de 1,5% a 3,0% do valor da operação.

 

Fonte original: http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,receita-tera-de-ser-informada-de-transacoes-em-especie-acima-de-r-30-mil,70002135450

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *